Quarta-feira, 29 de Novembro de 2006

Mudam-se os tempos.. mudam-se os vicios

"Claro que ele era mais velho do que tu.. pensava que ninguem o estava a ver, mas eu bem sabia que todas as noites ele ia para a janela fumar um cigarro"

Esta foi a resposta que eu obtive da minha avó quando lhe perguntei se o pai tinha algum mau hábito quando era jovem... Pelos vistos o vício de fumar durava desde há algum tempo. Para quem não sabe.. o meu pai prometeu a si mesmo que ia deixar de fumar e conseguiu cumprir.. pelo menos até agora. Mas é incrivel que quando somos jovens e fazemos coisas sem pensar nas consequências... Quando o meu pai fumou pela primeira vez um cigarro de certeza que não imaginava à frente quase 30 anos de vício que a única coisa que aliviava era a carteira.
Nunca é bom quando tomamos esse tipo de atitudes.. Nunca é bom quando dizemos "tenho a vida pela frente" porque o dia de hoje é o passado de amanhã... claro que não podemos viver sempre a olhar para o futuro.. provavelmente o melhor é achar um ponto de equilibrio, no qual possamos refletir as nossas atitudes que os outros passam a vida a criticar...

No meu caso não considero que tenha nenhum vício.. talvez tenha coisas das quais gosto em demasia..  como ouvir "Il Divo" (que por falar nisso estou a ouvir sem exagero há mais de 8 horas o novo CD) e internet.. e para que a minha relação simpatica com a internet não se torne num vicio, despeço-me e vou dormir.. senão daqui a uns anos é a minha mãe quem dirá aos meus filhos:
 "Ela pensava que eu não sabia, mas eu bem ouvia o computador a trabalhar..."
O que estava a ouvir para ficar tão inspirada: La vida sin amor, Una noche- Il Divo, Siempre
Sexta-feira, 24 de Novembro de 2006

Quem diria.. Ainda falta 1 mês para o Natal

Hoje é dia 24 de Novembro... No entanto ninguém diria que ainda falta cerca de um mês para o Natal. A televisão já manipulou as pequenas criancinhas, os centros comerciais já estão completamente cheios, o Pai Natal já está mais do que farto de tentar aceder aos desejos materialistas de todos nós... Ou seja o espirito natalicio já está presente na nossa sociedade desde há umas semanas. No entanto alguém já pensou em ir visitar os idosos que se encontram em lares? Alguém já pensou que dentro de alguns dias o BA vai tentar angariar produtos para ajudar os que mais necessitam?

Sejamos honestos... Para muitos de nós, o Natal resume-se a uma festa que tem como único objectivo demonstrar o nosso poder de compra... Para muitos de nós, é uma maneira de nos exibirmos... E isto é uma prova de que a nossa sociedade esquece frequentemente os valores morais mais importantes, substituindo o vazio da nossa alma, com futilidades.

Neste Natal provem que eu estou errada, e ficarei feliz.

.All about me

.pesquisar

 

.Outubro 2007

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31

.O que escrevi num passado recente

. 20 minutos

. Dia para recomeçar

. Mudança de visual.. obrig...

. Mudam-se os tempos.. muda...

. Quem diria.. Ainda falta ...

. Conta e tempo

. Escrito o ano passado (pa...

. Será que cresci demasiado...

. Margarida

. Parabens...

.O que eu escrevi num passado não tão recente

. Outubro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

.Paginas Web visitadas por mim

blogs SAPO

.subscrever feeds